Vítimas de 'legionella' de Vila Franca de Xira sentem revolta, incompreensão e desconfiança - Estudo

Revolta, incompreensão e desconfiança são os principais sentimentos das vítimas do surto de 'legionella' que afetou o concelho de Vila Franca de Xira em 2014, de acordo com um estudo divulgado na noite desta 4ª feira.

Em novembro de 2014, o concelho de Vila Franca de Xira foi afetado por um surto de 'legionella' que afetou sobretudo as freguesias de Vialonga, Póvoa de Santa Iria e Forte da Casa, causando 12 mortes e infetando 375 pessoas.

Mais de dois anos depois ainda decorre um inquérito no Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) da Comarca de Lisboa Norte-Vila Franca de Xira.

Em julho de 2016, o Ministério Público (MP) informou que sete pessoas e duas empresas, entre elas a Adubos de Portugal(ADP), foram constituídas arguidas no inquérito

A perceção dos afetados pelo surto de 'legionella' sobre este acontecimento e as suas consequências foi alvo de um estudo desenvolvido pelo investigador do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa João Guerra, através de uma oficina participativa, na qual participaram 40 pessoas

Em declarações à agência Lusa, João Guerra disse que os sentimentos de revolta, incompreensão e de desconfiança são os principais sentimentos que "assolam" as vítimas do surto.

"Em suma, podemos dizer que existe alguma incompreensão do processo de gestão e monitorização que falhou e deixou as vitimas com um sentimento de abandono, fazendo crescer o desalento e a desconfiança institucional", resumiu.

João Guerra referiu que uma das conclusões "mais interessantes" deste estudo é o facto dos inquiridos censurarem o comportamento da empresa responsável pela propagação do surto (ADP) mas não defenderem o seu encerramento.

"Talvez devido à consciência dos problemas socioeconómicos do país, ninguém defendeu o encerramento da ADP. As pessoas acham que deve continuar a laborar, desde que respeitem todas as regras", ressalvou.

Este estudo focou também as consequências que resultaram do surto de 'legionella' e as marcas físicas, mentais e económicas que deixaram nas vítimas.

Dificuldades respiratórias, distúrbios intestinais, falta de confiança, mudanças de humor e desemprego foram algumas delas.

O surto, o terceiro com mais casos em todo o mundo, teve início a 07 de novembro de 2014 e foi controlado em duas semanas. Na altura, o então ministro da Saúde, Paulo Macedo, realçou a resposta dos hospitais, que "trataram mais de 300 pneumonias".

A doença do legionário, provocada pela bactéria 'legionella pneumophila', contrai-se por inalação de gotículas de vapor de água contaminada (aerossóis) de dimensões tão pequenas que transportam a bactéria para os pulmões, depositando-a nos alvéolos pulmonares.

Fonte:Lusa

Last modified onquarta, 22 fevereiro 2017 23:35

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

Outras Informações

Gang of Four e MONO completam cartaz de …

O festival Reverence Santarém anunciou hoje as bandas que completam o cartaz do evento que este ano se muda para a Ribeira de Santarém e que vai contar com os...

22-06-2017 Hits:15 Noticias Da Música

Read more

FIA Lisboa reforça união entre as difere…

A FIA Lisboa pretende fazer renascer o desenvolvimento regional através do artesanato, gastronomia e património. Um património construído por pessoas para ser apreciado e vivido por pessoas. Mais de 600 expositores...

22-06-2017 Hits:39 Várias

Read more

Câmaras de Seixal e Almada querem novo a…

As Câmaras Municipais do Seixal e de Almada, no distrito de Setúbal, vão solicitar ao Governo uma reunião para discutir a construção de um novo acesso à A2, na zona...

22-06-2017 Hits:16 Notícias Nacionais

Read more

Paulo de Carvalho com concerto gratuito …

 O músico Paulo de Carvalho atua a 08 de julho na Praça do Município, em Lisboa, um concerto gratuito que se realiza no âmbito da celebração dos seus 55 anos...

22-06-2017 Hits:14 Noticias Da Música

Read more

Trabalhadores da Amarsul mantêm greve co…

Os trabalhadores da Amarsul, empresa de Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, recusaram a nova proposta de aumentos salariais da administração e decidiram manter o pré-aviso de greve para quarta...

13-06-2017 Hits:31 Notícias Nacionais

Read more

PS de Benavente já apresentou candidatos…

O Partido Socialista de Benavente apresentou no passado domingo, 11 de Junho, os seus candidatos às juntas de freguesia do concelho para as próximas autárquicas.

13-06-2017 Hits:38 Noticias Regionais

Read more

O site da Ultra FM usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Mais informação aqui.