Entrevista a Enoque. Lança seu novo single! Saiba mais...

Conhecido por participações com os HMB, o jovem cantor Enoque lança o seu primeiro single com direito a videoclip (e a uns passinhos de dança) "Nunca é bom demais".

Bem-vindo e obrigado por teres aceite este convite. Enoque, desde quando é que decidiste que querias ser cantor?
Olá, e antes demais, obrigado pelo convite! Sempre gostei de música e sempre gostei de cantar, mas na verdade foi só por volta dos meus 16 anos que comecei a levar este hobbie mais a sério. No entanto, continuei sempre com os meus estudos, ao longo da faculdade já tinha alguns trabalhos na música e depois de me licenciar decidi que era mesmo isto que queria fazer.

Fala-nos sobre este teu single.
Este primeiro single é fruto já de alguns meses de estúdio com o meu produtor, Héber Marques, com quem tenho estado a preparar o meu primeiro disco. É um “hino” à boa disposição, e na verdade a música tem um tom irónico no sentido em que “nunca é bom demais pra ti” mas isso não vai tirar a minha boa disposição.

Como é que conheceste os HMB e quando é que começaste a fazer participações com eles?
Já conhecia alguns membros da banda há muitos anos e são meus amigos chegados. Comecei por participar no projeto a solo do Héber e provavelmente a minha passagem para integrar os concertos ao vivo de HMB foi também em função dessa proximidade, até que então “nasceu” o Naptel Xulima.

Quem são os "Base CCLX" e fala-nos sobre a música "Mais que vencedor".
BASE CCLX é o ministério de jovens da Comunidade Cristã de Lisboa (CCLX), a igreja da qual faço parte, e o “Mais que vencedor” foi a primeira música que gravamos enquanto grupo de jovens. A música basicamente fala sobre a nossa fé em Cristo e sobre crermos que através Dele podemos fazer todas as coisas, que Nele somos mais que vencedores.

É fácil conciliar e igreja e a música?
De certa forma acaba por estar tudo ligado, no entanto, talvez o mais complicado seja conciliar algumas fazes de trabalho que impliquem muito tempo fora.

O que te inspira?
Pessoas e as suas histórias.

Em que projetos já participaste?
Quando era mais novo cantei com algumas bandas, participo no projeto gospel do Héber Marques e HMB, já trabalhei também com o D8, participei no disco “Salmos” (Rute e Ruben Alves), e tenho tido a oportunidade também de escrever canções para outros artistas e telenovelas.

O que é para ti a música? Para que serve?
A música para mim é uma forma de sentir, de experienciar e de transmitir as minhas emoções.

O que será de ti neste futuro próximo?
Neste momento estou focado em divulgar o meu single e terminar o meu álbum.

Obrigado Enoque, que tenhas muito sucesso e segue firme.

Last modified onsexta, 16 dezembro 2016 18:42
More in this category: « Mancallas, o Ex-Ateu e o Hip-Hop

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

O site da Ultra FM usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Mais informação aqui.